10 de abril de 2015

[Artigo oficial] Uma visita a Plains of Havoc

Caros leitores, bem-vindos a nossa última edição do Tibia City Guide. Entretanto, dessa vez não visitaremos uma cidade, mas uma área que é antiga e muito famosa. Provavelmente a maioria de vocês ou já ouviu falar ou até mesmo já visitou... Plains of Havoc.

Localizado entre Thais e Venore, ao sul do Deserto de Jakundaf, Plains of Havoc é, provavelmente, uma das maiores áreas desabitadas e não civilizadas no continente principal.

História

Plains of Havoc possui uma área estimada de 12.000 sqms (dependendo de onde você desenhar a linha): uma área que você não pode só ver, mas também respirar a história do Tibia, uma área estreitamente relacionada com o melhor e o pior que o passado Tibiano tem a oferecer.

Um monte de testemunhos históricos podem ser encontrados lá: evidências de impressionantes arquiteturas, de batalhas épicas, do poder militar e mágico, mas também de morte e da evanescência de tudo.

Mesmo que muitos vestígios da presença humana ainda estejam visíveis, a natureza já reconquistou a maioria da área e transformou-a em um lugar morto, mas bonito. Hoje, os visitantes são encorajados a viajar para este lugar fortemente armados e junto de guias experientes, visto que a morte está a espreita em cada esquina.

Antes do lugar se tornar o que é hoje, a famosa ordem antiga dos Nightmare Knights governou toda a área. A história e o destino de Plains of Havoc está ligada à ascensão e queda dos DreamWalkers.
No entanto, não é muito conhecida a motivação dos Knights terem escolhido as planícies como sede, há razões para acreditarmos que mesmo antes de governarem aquela área, os Knights já utilizavam o lugar para suas aventuras. Uma vez que os membros da ordem também melhoraram suas habilidades de combate perto de sua base, soa razoável que eles usaram o ambiente natural e seus habitantes para treinar. Portanto, o mais provável é que tudo era mais fácil para os viajantes e visitantes do que é hoje.

A história da queda dos Nightmare Knights é certamente uma das mais famosas da história do Tibia. A perdição começou quando Falnus, um membro da ordem, virou para o lado mal e se tornou um infame necromante Goshnar e líder da Brotherhood of Bones. A guerra começou entre ambas as facções e, apesar dos cavaleiros terem saído vitoriosos, eles não tiveram chance contra a próxima ameaça que estava esperando por eles: a Ruthless Seven. Sendo base militar, os cavaleiros não podiam defender a Pits of Inferno e foram vencidos por aqueles que queriam lutar. A conquista desse lugar pelo Ruthless Seven soletrou a desgraça para a ordem antiga e venerável dos Nightmare Knights. Após sua derrota, não só Plains of Havoc, mas também os poços subterrâneos, tornaram-se um lugar perigoso e mortal para aqueles que estão procurando desafios.



Você sabia?

- Você sabia que o nome anterior da Plains of Havoc era Fair Plains?
- Dizem que Goshnar, o líder da Brotherhood of Bones, era o pai do Ferumbra e, portanto, avô de Ferumbras.
- Os Nightmare Knights aprenderam a arte do dreamwalking com os Teshial, uma antiga e perdida casta élfica.
- Uma tática comum no passado tibiano, era atrair Giant Spiders de Plains of Havoc para as principais rotas de viagem e, assim, matar andarilhos inocentes em suas viagens entre as cidades.



Plains of Havoc hoje

Nos dias de hoje, as planícies ainda são um lugar para treinar suas habilidades de luta e provar sua coragem, mas ao contrário do passado, o deserto agora governa a maior parte da área. Isso se torna ainda mais difícil, por exemplo, para os jovens paladinos que querem impressionar seus mestres e podem ser atacados por Giant Spiders do nada. Esteja avisado! Se você quiser tentar a sua sorte contra essas criaturas, não subestime a sua velocidade. Elas são tão rápidas que é quase impossível fugir e, sobretudo, elas caçam junto de Tarantulas e Poison Spiders.

No entanto, também guerreiros menos experientes e magos têm muitas oportunidade para treinar suas habilidades de luta lá. Além de Cyclops, diferentes tipos de minotauros e orcs, undeads e dragões; você também pode encontrar lobos, veados e até esquilos na superfície. Em suma: há o suficiente para todos!

Ainda assim, não é somente isso. Os lutadores mais corajosos de todo o Tibia estão se reunindo a todo momento e, em seguida, partindo para dominar um dos maiores e mais difíceis desafios que essas terras têm para oferecer: entrar na pits of inferno e voltarem vivos. Veteranos, que já entraram com sucesso no local, contam histórias assustadoras de legiões de criaturas do mal, que estão apenas esperando para dilacerar qualquer invasor possível, a fim de servir e honrar o Ruthless Seven. Os tesouros e o desejo de provar força deve ser a razão pela qual os guerreiros experientes se atrevem a entrar lá novamente, mesmo depois deles já terem conseguido escapar daquele lugar letal. De tempos em tempos, alguns desses grandes lutadores formam equipes e oferecem aos mais jovens o seu serviço, cobrando uma taxa para ajudá-los a sobreviver aos perigos que estão esperando lá por baixo. No entanto, várias vezes os jovens não escutam a voz da experiência e não seguem o conhecimento dos seus guias, a consequência disso mais provável é a morte.

Para os descuidados, toda a área é nada além de um túmulo. Para os corajosos, é um desafio interminável seja para ganhar experiência, cicatrizes, tesouros ou fama.


Monstros famosos que pode aparecer em partes das planícies:

Countess Sorrow
Demodras
Dracola
Mamma Longlegs
Massacre
Mr. Punish
The Handmaiden
The Imperor
The Old Widow
The Plasmother



Pontos turísticos

Diferente de uma cidade verdadeira, você não vai encontrar muitos grande edifícios e pontos turísticos, mas se você pretende visitar a área há alguns pontos de interesse que você definitivamente deve fazer uma visita. Lembre-se, porém, de não ir despreparado.


Vamos começar o tour na Guildhouse Riverspring. Siga para o sul do rio vinculado e alguns cyclopes cruzarão seu caminho. A partir desse ponto, deixe a margem do rio e siga para o sudoeste do mapa. Depois de uma curta caminhada, você vai encontrar um acampamento (1) com algumas gigantes de um olho só e muitos minotauros. Eles parecem se divertir torturando os seres humanos e orcs, uma vez que txiste uma prancha que leva a um poço de escorpiões, cheios de ossos e restos de ambas as raças. Então é melhor você não ser capturado. O acampamento tem uma cave com ainda mais cyclopes e minotauros, assim como orcs também capturados geralmente estão lá esperando por sua execução. Além disso, há um bom estoque de suprimentos. Barris cheios de alimentos permitem que você encha seus suprimentos antes de seguir em frente.

Siga para o sul a partir daqui, você vai encontrar um bosque (2) entre algumas rochas. As vespas e escorpiões são os habitantes desse local com sombra, por isso certifique-se de ter alguns antídotos com você. Sob uma grande figueira de raízes profundas e ramos fortes você pode encontrar uma entrada escondida para um covil de dragão. Além de Dragons e Dragons Lords, o Demodras, poderoso chefe dragão, pode estar esperando por você lá. Se Grizzly Adams lhe deu uma tarefa especial para encontrar e matar o Demodras, você também vai encontrar o teletransporte para o seu covil neste calabouço.

No leste desta caverna e perto do mar, você pode encontrar o monge Oldrak (3) no seu templo. Essa santificada construção não é apenas um lugar que você pode fazer uma pausa na sua caçada, mas também pode aprender mais sobre a história da ordem dos Nightmare Knights se você conversar com o monge. Ao lado do demplo, há um mosteiro abandonado (4) dos cavaleiros e está lentamente se desintegrando. Uma vez que era uma impressionante fortaleza, que foi destruída na guerra contra a Ruthless Seven, é agora apenas uma ruína e um abrigo para algumas alma inquietas. Se você não tem medo de lutar contra ossos andantes e ghouls, você definitivamente deve visitar este lugar. Além disso, se você está interessado em juntar-se ao grupo dos Nightmare Knights ou a Brotherhood of Bones, a entrada para Dreamer's Challenge quest está escondida nesses destroços.

Se você continuar o passeio para o Sul, você pode se deparar com uma horda de diferentes tipos de orcs que parecem que estão vagando em busca de presas. Se você deixar o mosteiro e caminhar ao longo da orla, logo você encontrará um grupo de dragões. Entre os orcs e dragões há um círculo de pedra (5) com um campo de força mágica em seu meio, dando variedade à paisagem. Apenas se você for um druida você será capaz de entrar no campo e força e, assim, ser teletransportado para a Isle of the Mists (6). Esta ilhota é o lar do forte monge Fernfang, que é muito inóspito e não tolera qualquer visitante lá. Se ele estiver em casa, vai tentar te tirar de lá com ajuda dos seus animais de estimação, alguns lobos de guerra sedentos por sangue...

O grande edifício na costa próximo da Isle of the Mists é a Knightwatch Tower (7). O antigo posto avançado dos Nightmare Knights agora pode ser utilizado por aventureiros que passaram nos testes da Dreamer's Challenge quest, como um hub de viagens rápidas entre diferentes cidades e como uma rápida saída para deixar Plains of Havoc sem lutar.

Mais uma vez, continuamos nosso passeio para o ocidente, onde um cemitério amaldiçoado está na frente de outro grande edifício, a Necromant House (8). Concebido como um lugar de pesquisa científica para aprender a arte da necromancia, a casa agora é um lugar assombrado. A necromancia segue viva aqui, por assim dizer. Além disso, o túmulo de Goshnar e também a entra para os famosos e mortais Pits of Inferno são localizados aqui.
A oeste da Necromant House você vai encontrar um anel de árvores mortas e vivas, pedras e ossos que circundam a enorme, terrível e diabólica Demon Oak (9). Diz-se que uma recompensa valiosa e inacreditável está esperando por aqueles que conseguem derrotar a demoníaca peça viva de madeira. Tenha cuidado se você decidir tentar a sorte! Esta árvore é tão mal como mortal.

Se você ainda está procurando mais desafios, uma raça está esperando por você na direção nordeste. Certifique-se de ser rápido o suficiente quando você cruza o mapa aberto (10). Monstros de oito patas estão procurando comida e eles não desistem facilmente quando notam a presença de uma possível presa.

É claro que há muito mais para descobrir no interior e ao redor das planícies. Por exemplo: Dark Cathedral ou Outlaw Camp, só pra citar dois outros pontos de interesse. Infelizmente, um guia mais detalhado deve ir além das limitações deste artigo.

Vale a pena repetir: se você decidir viajar através de Plains of Havoc NÃO inicie sua viagem sem equipamentos adequados e aconselhamento profissional.

Aproveite a viagem!

Tradução por Equipe TG.



Nenhum comentário:

Postar um comentário