7 de maio de 2016

Resumo Test Server: Primeira e Segunda Semanas!

O Test Server para o Summer Update 2016 continua aberto e desde ontem os mundos Testa e Testera tiveram o status alterado para Open PvP.

Apesar do novo conteúdo não ser muito extenso, ajustes constantes tem sido feitos com base nas discussões e feedbacks dos jogadores que tem ocorrido no fórum oficial do Test Server.

Apesar de imprevistos real life e instabilidade do client  terem dificultado a realização de mais testes in-game nossa equipe continua acompanhando as principais mudanças para trazer a vocês as principais mudanças que vem sendo feitas a cada novo patch.

Confiram!



Mais imagens na página do Summer Update 2016 (aqui
Resumo 1º dia: Novas armas e atributos, Otherworld Edron e Kaz (aqui)
Resumo 2º e 3º dias: Novas Arena PvE (aqui
Resumo 19º dia: Ajustes armas e curiosidades (aqui
Resumo 20º dia: Otherworld free e arenas (aqui

As novas armas

Sem dúvida, um dos pontos mais discutidos, e a novidade principal, do novo conteúdo centra-se no balanceamento das novas armas e seus atributos especiais. Questiona-se muito a duração do efeito, as porcentagens de dano e chance de êxito e, principalmente, custo/benefício.

Até o momento os principais ajustes foram: 
  • Preço para aquisição da arma inicial foi reduzida de 100 para 50 Gold Tokens;
  • Em caso da carga falhar a arma não é mais destruída;
  • O tempo de duração das cargas só conta quando a arma está equipada;
  • Alteração nas % e no tempo de duração das cargas: 
    • 05 gold tokens - 10% de chance do efeito ocorrer; valor do efeito = 20%; duração: 20 horas. 
    • 10 gold tokens - 15% de chance do efeito ocorrer; valor do efeito = 25%; duração: 10 horas. 
    • 15 gold tokens - 20% de chance do efeito ocorrer; valor do efeito = 30%; duração: 15 horas.
  • Alteração na restrição de nível para utilização:
    • Arma sem carga - própria para personagens de level 100+.
    • 05 gold tokens - própria para personagens de level 150+.
    • 10 gold tokens - própria para personagens de level 200+.
    • 15 gold tokens - própria para personagens de level 250+.

  • A NPC Yana teve os diálogos alterados para evitar o comércio equivocado das armas two-handed. Agora ela as comercializa como Slayer, Chopper e Hammer.

Ainda discute-se sobre o balanceamento do dano físico causado em combates corpo a corpo e a distancia. Estão em testes a redução da % de dano crítico para paladinos mantendo-se a % de sucesso no disparo.

E, dada a esta discussão de equivalência, aparentemente, avalia-se também alterações nos atributos dos itens: Umbral Master Bow e Umbral Master Crossbow (distance skills +3)


  

Os novos itens


Além das novas armas, outra novidade, divulgada no teaser #3, são os equipamentos que proporcionam boost em mais de uma habilidade. São anéis, amuletos, botas e tiara que, para cada vocação, quando equipados, implementam bônus combinados em determinados efeitos.

Recebidos de forma positiva pela comunidade durante os testes, não faltaram feedbacks com sugestões. As principais alterações foram: 
  • Duração dos amuletos ampliada de 15 para 30 minutos;
  • Duração dos anéis ampliada de 10 para 30 minutos;
  • Duração das Void Boots ampliada de 20 para 60 minutos;
  • Duração da Tiara of Power ampliada de 20 para 60 minutos;
  • Os anéis e colares serão "dropados" pelas das criaturas da Heart of Destruction Quest;
  • Alteração nos atributos dos anéis:
    • Knights: +3 melee skill, + 3% shielding.
    • Paladins: +3 distance skill, +1 magic level.
    • Mages: + 2 magic level , regeneração mais rápida.

  •  Alteração nos atributos dos amuletos: 
    • Knights: +4 melee skill, + 5% shielding.
    • Paladins: +4 distance skill, +2 magic level. 
    • Mages: + 3 magic level , regeneração mais rápida.
  •   Ajuste na frequência de drop de todos eles;
 

Arena PvE

Já em relação a nova arena PvE, o que mais se discute (além dos bugs descobertos em fields e traps) é a dificuldade do desafio apresentado e pontuação atribuída. Inicialmente, as arenas de nível 3, 4 e 5 estavam sendo consideradas tão fáceis para as respectivas faixas de level que durante os testes foi comum um ou apenas dois jogadores terem concluído as 10 waves propostas. Esse fato foi visto como indesejado tanto pelos jogadores quanto pela equipe de desenvolvimento, uma vez que a ideia é proporcionar um espaço para desafios em grupo e não combates individuais.

Principais alterações até o momento:
  • Abertura da arena em Edron;
  • Diferenciação do background para os dois tipos de arenas;
  • Ajustes gerais nas características (spells, comportamento, pontos de vida) das criaturas enfrentadas nas arenas dos níveis 3, 4 e 5;
  • Ajuste na força das criaturas enfrentadas nas arenas dos níveis 4 e 5, elas produzirão mais dano;
  • O aviso de que o tempo para se concluir uma wave foi ajustado de 5s para 10s;
  • Foi implementado aviso para informar faltam 3 ou menos criaturas para serem mortas na wave;


As discussões seguem e os jogadores anseiam por desafios mais emocionantes e perigosos, sugerindo até mesmo diferenciação do layout das arenas e não apenas em relação a aleatoriedade das armadilhas e obstáculos.



Outro ponto controverso é a sugestão dada pelos jogadores a respeito dos Pit Demons ou a conclusão de uma arena fornecer experience points. Os desenvolvedores argumentam que seria "dar ponto de graça" visto que não há penalidade de morte na arena.  Defendem ainda que o objetivo da arena não é se tornar um local de caça e que os jogadores devem encara-la como conteúdo bônus, um local para medirem suas forças e habilidades em combates contra as waves e acompanharem a progressão de seu desempenho por meio da pontuação divulgada publicamente. O desafio para os desenvolvedores tem sido criar uma forma justa que possibilite aos diferentes tipos de jogadores conseguirem ranking e se motivar com este tipo de proposta.

 

Otherworld

Este universo paralelo, que também está alinhado a lore do Ferumbras, tem seu conteúdo acessível por meio de uma espécie de Mini World Change (MWC). Contudo, diferentemente das MWC habituais seu status se altera em questão de cerca de 2 horas e não há qualquer indicação in-game de sobre qual vórtice está aberto. Durante os testes, percebemos que há sempre dois ativos, sendo um do Otherworld principal (vórtices em Ankrahmun Svargrond e Zao) e um que da acesso aos Otherworld secundários de Edron e Kazordoon.

O Otherworld principal é a presentado com um mapa em forma de uma espiral no qual cada vórtice da acesso a uma determinada parte que, até o momento, não tem ligação entre si apesar de estarem no mesmo plano do mapa. Enquanto que, os secundários são totalmente isolados um do outro e do principal, funcionando como uma espécie de teaser que permite aos personagens de níveis mais baixos também terem a noção dos desafios que os aguardam futuramente.

A discussão sobre este novo local tem sido feita em torno da acessibilidade aos vórtices e o risco que o spawn das novas criaturas representavam a personagens de níveis mais baixos. A exceção de Kazordoon, todos os outros vórtices apresentavam criaturas de energia livres na superfície do mapa quando ele estava ativo.

Outro ponto de discussão envolveu a necessidade de se matar um determinado número de criaturas todas as vezes que o personagem intencionasse passar pelo vórtice.


Ajustes:
  • Para acesso aos vórtices principais, basta matar 10 criaturas uma única vez;
  • A contagem das criaturas mortas para os vórtices secundários, será feita separadamente; 
  • A área de acesso aos vórtices ativos foi modificada de forma que sua ativação não mais implica em risco para personagens de níveis mais baixos. Da mesma forma que ocorria em Kazordoon, o acesso aos demais vórtices  (quando ativos) e feito por um buraco que leva a uma câmara no interior da qual encontra-se as criaturas que precisam ser derrotadas e o vórtice propriamente dito. Cada nova câmara recebeu cenário exclusivo relacionado ao ambiente na qual se encontra:
  

 
 

  • Ajuste na frequência dos loots das criaturas.

Mesmo com as mudanças ainda há que se considerar ao tentar o acesso aos vórtices pois as novas câmaras possui uma área bem reduzida em relação a quantidade de criaturas que ali podem ser encontradas e, aparentemente com o respawn mais rápido que outras áreas.
 

Heart of Destruction Quest

Única quest do update, e cuja conclusão possibilitará aquisição do achievement Ender of The End e do Vibrant Egg, item do qual se obtém a montaria Sparkion, além, claro, de Golden Tokens como loot dos bosses.

Suas etapas ocorrem no Otherworld principal, mais precisamente no labirinto em espiral cuja parte principal é chamada de Heart of Destruction e sua lore consiste em enfraquecer o centro causador dos distúrbios que ameaçam o mundo, para isso deve-se vencer 6 bosses principais.

Inicialmente, deve-se vencer os desafios das câmaras de um "guardião" de cada vórtice e os combates propriamente ditos que são repletos de surpresas e diferentes mecânicas:

Anomaly (Ankrahmun)

Realityquake (Svargrond)

Rupture (Zao)






Não importa a ordem com a qual os enfrenta. Derrotando cada um deles, ao menos uma vez, tem-se acesso a uma câmara com teleports de atalhos e acessos para as áreas de mais dois bosses:

Outburst

Eradicator








Ao derrotar os cinco bosses, consegue-se as 5 cargas requeridas pela quest line e finalmente tem-se a possibilidade de passar pelo teleport especial e enfrentar World Devourer, o boss final.




Lendo agora, e não levando em conta os bugs em teleports e bosses,  até parece simples, mas não foi bem isso que os jogadores experimentaram durante estas primeiras semanas de testes. Inicialmente, NPC Messenger of Heaven, encontrava-se na superfície próximo aos vórtices e em meio ao respawn constante das criaturas, o que exigia habilidade e paciência dos jogadores para ao mesmo tempo conversar com o NPC e se livrar dos ataques.Além do que, havia a necessidade de matar 10 criaturas todas as vezes que fosse tentar passar pelo vórtice. Esses foram um dos primeiros pontos questionados nos feedbacks e que, prontamente, foram alterados pelos desenvolvedores.

Passado o vórtice e entrado no espiral o desafio passou a ser se movimentar pelo ambiente repleto de criaturas ainda não balanceadas e energy bombs a procura da direção correta. Foram várias idas e vindas em "pontos sem saída" até que se conseguisse localizar os holes\ropespots e assim conseguir transitar entre os andares do labirinto. Além de dificultar a movimentação, muitas foram as queixas sobre os energy bombs dificultarem para pegar os loots e da animação sobrecarregada tornar o cenário cansativo.



"Resolvida" a dificuldade para se transitar no Heart of Destruction  e encontrados os locais de acesso a sala dos bosses. O que fazer? Foi bem isso que a maioria dos jogadores sentiu por ali. Não havia qualquer orientação a respeito de como prosseguir na quest. Há relatos de que dos três bosses iniciais, o mais complicado de se entender a dinâmica por falta de orientação previa foi na câmara para o  Realityquake (Foreshock / Aftershock). Outra dificuldade para a progressão na quest que foi questionada se refere a indicação das cargas conseguidas, se haveria limite para para acumulação de varias cargas de um mesmo boss e como seria contabilizado o saldo das cargas excedentes usadas para acesso ao World Devourer.



No geral, os jogadores parecem ter gostado dos desafios dos novos bosses e enaltecem a necessidade do trabalho em equipe para um resultado positivo, especialmente no confronto contra o World Devourer. Contudo, questiona-se frequentemente a questão dos loots dos bosses e das criaturas frente a dificuldade, desafios e, principalmente, a disponibilidade de gold tokens para a aquisição das novas armas. Ou seja o custo/benefício tem sido veementemente questionado.

Principais alterações até o momento:

  • Alteração na dinâmica de requisitos para entrar no Otherworld;
  • Alteração no posicionamento das entradas para os vórtices; 
  • Limite de 45 minutos para as lutas contra bosses;
  • Charged Anomaly não mais aparecerá ao longo da luta contra o boss Anomaly;
  • Implementação de um novo NPC Messenger of Heaven no interior do Heart of Destruction para informar mais detalhes sobre o combate aos bosses e a progressão da quest;
  • Alteração na quest line que passará a informar a progressão e acumulação das cargas;
  • Adição de mensagens informativas a respeito da progressão dos combates;
  • Balanceamento geral dos bosses;
  • Ajuste na vulnerabilidade do World Devourer a alguns tipos de danos;
  • Ajuste na frequência dos loots das criaturas.

Os testes e ajustes continuam e os desenvolvedores tem, inclusive, convocado jogadores com personagens no level 300+  para testes específicos:



Mais imagens na página do Summer Update 2016 (aqui
Resumo 1º dia: Novas armas e atributos, Otherworld Edron e Kaz (aqui)
Resumo 2º e 3º dias: Novas Arena PvE (aqui)  
Resumo 19º dia: Ajustes armas e curiosidades (aqui
Resumo 20º dia: Otherworld free e arenas (aqui)

  
Assim que tivermos mais informações ou mudanças do conteúdo já apresentado, postaremos. Continue acompanhando conosco!


Nenhum comentário:

Postar um comentário